sábado

Deixe-se levar pela corrente, eu ficarei na margem a vigiá-lo

"E depois, feitas as contas, parece-me tão feliz! Hesita-se em destruir uma ilusão, por mais funesta que seja, que é tão deliciosa enquanto dura. São os momentos raros da vida. Ser novo e ardente, em plena primavera italiana, e acreditar na perfeição moral de uma bela mulher - que situação admirável! Deixe-se levar pela corrente, eu ficarei na margem a vigiá-lo."


Bónus - eu sei que menos é mais mas...bónus:


Comprei o livro óntem por causa deste excerto que vinha na contra capa (e por ser do Henry James também). Um livro com 75 páginas (letra média a fugir para o grande) que custou 10.80€, uma loucura senhores ouvintes. Ainda p'ra mais acabei de o ler numa hora. Mas tinha de ser meu de qualquer maneira, tem um azul que me agrada bastante.

7 comentários:

josé luís disse...

...
1) mas henry james merece.
...
2) uma delícia... mmm (x3) ...
(esta raínha cláudia...)
;)

Plasticine disse...

Esse preço é um abuso. Levanto as mãos ao céu pelos alfarrabistas e feiras do livro, pelos saldos e vendedores de rua :)

Beatrix Kiddo disse...

pois é Plasticine, mas mesmo assim nunca me consegui ver livre de certos impulsos...mas o preço dos livros nas livrarias é mesmo de bradar aos céus

Ana Luísa disse...

Imagina um sítio onde Voltaire se veste de capas lindíssimas e pode ser teu por 2 euros. E quem diz Voltaire diz Maquiavel, Stevenson, Baudelaire...
Portanto, sim, Lisboa é agradável :)

Our Youth disse...

amazing photos.

Beatrix Kiddo disse...

thank you!

Here's the text, I found it in English:

One hesitates to destroy an illusion, no matter how pernicious, that is so delightful while it lasts. These are the rare moments of life. To be young and ardent, in the midst of an Italian spring, and to believe in the moral perfection of a beautiful woman-what an admirable situation! Float with the current; I`ll stand on the brink and watch you."

from this book
http://www2.hn.psu.edu/faculty/jmanis/hjames/diary-man-50.pdf

***

Beatrix Kiddo disse...

conta-me o teu segredo Ana Luísa...qual é o teu alfarrabista? (como quem confessa a que cirurgião plástico vai)