quarta-feira

Modo 'Não percas tempo'

   O tempo que passamos longe das pessoas de quem gostamos é interminável desde o dia em que nascemos. O mundo havia de ser mais pequeno. Só devia haver um país, um liceu, uma empresa, uma rua na única cidade que houvesse. Portugal é enorme. É grande de mais. Do mundo nem se fala.
   Contam-se os minutos. Contam-se os quilómetros. O mundo está mal organizado. Os desconhecidos abundam. Telefonam. Aparecem. Os motoristas de táxi ocupam uma larga parte das nossas vidas. Os recepcionistas. As pessoas que nos perguntam as horas. Estupidamente, em nome da vida, ou de uma ideia de vida, perdemos o tempo que temos. Há pessoas com quem queremos estar, que querem estar connosco. Não são estas.    


2 comentários:

Jamil S.P. disse...

Some-se a isso o desperdício de tempo etc com a Internet e o estrago parece realmente irreversível.

Beatrix Kiddo disse...

ora ai está. nem queria fazer este blog porque achava que devia gastar o tempo a ler e não a postar o que li, mas gosto muito por isso...mas a internet é um vício difícil de moderar às vezes