quinta-feira

Provavelmente quando nos tornamos tristes

"Nunca percebi quando se deixa de ser pequeno para se passar a ser crescido. Provavelmente quando a parente loira passa a ser referida, em português, como a desavergonhada da Luísa. Provavelmente quando substituímos os guarda-chuvas de chocolate por bifes tártaros. Provavelmente quando começamos a gostar de tomar duche. Provavelmente quando cessamos de ter medo do escuro. Provavelmente quando nos tornamos tristes. Mas não tenho a certeza: não sei se sou crescido."



1 - Nunca li nenhum livro do Lobo Antunes, a não ser algumas crónicas. Mas é um dos autores de quem me lembro melhor de certas frases. Este conceito do "quando nos tornamos tristes" tem-me acompanhado nos últimos meses (desde que li esta crónica), na alegria e na tristeza. Vem juntar-se à miserabilidade humana que aprendi com o Dostoievsky. 

2 - A tristeza dos outros é um aborrecimento. A nossa é profunda, bonita e até romântica. 




9 comentários:

São João disse...

Desde que me conheço que me sinto velha. Nunca senti qualquer passagem para a idade adulta. Se calhar já nasci triste.

Beatrix Kiddo disse...

podes ter nascido velha e por isso nunca tenhas sido triste por não teres tido consciência da passagem

S. G. disse...

http://www.youtube.com/watch?v=3my3IDMB3Bc&feature=related

"diz ao teu pai que não percebes
este mundo a que foste condenada
conta à tua mãe que isto agora é prego a fundo, não podes estar parada..."

Quetzal disse...

<3 (e a 2, so true)

Mónica disse...

tou ali com a São João.
já a minha avó dizia pareces uma velha ehhehe acho q n tem a ver com a tristeza per si mas crescer contribui para se ser mais pensativo e menos ligeiro na vida. isso n quer dizer tristeza.

detesto q me digam q sou triste. lá pq não ando a rir a torto e a direito


já li alguns livros do LA, para mim foi o primeiro escritor português com nome disso. (eça, fernando pessoa, camilo, etc n eram escritores eram os chatos q me obrigavam a ler na escola heheheh)

Mónica disse...

epá os simbolos do FB aqui n pegam ehehheh mto bom

Beatrix Kiddo disse...

acho que ele usou a palavra tristes mas não quer dizer tristeza

são aquelas coisas que os escritores às vezes fazem, usam palavras que abrangem muita coisa e ficam ali bem mesmo não querendo dizer aquilo literalmente

via disse...

o texto é de quem?

Beatrix Kiddo disse...

António Lobo Antunes

nesta crónica: http://www1.folha.uol.com.br/livrariadafolha/967432-lobo-antunes-expoe-suas-intimidades-em-as-coisas-da-vida.shtml