terça-feira

A arte de não ler

"A arte de não ler é muito importante. Consiste em não sentir interesse algum por aquilo que está a atrair a atenção do público numa determinada altura. Quando um panfleto político ou eclesiástico, um romance ou um poema estão a causar grande sensação, não devemos esquecer-nos de que quem escreve para tolos tem sempre grande público. Uma condição prévia para ler bons livros é não ler os maus: a nossa vida é curta."



5 comentários:

Miss Murder disse...

Isso é verdade, ao fazermos uma selecção não lemos porcaria!

ze alberto disse...

Cada vez me convenço mais de que me falta ler Schopenhauer. Belo post!

Mónica disse...

schopenhauer podia explicar como é se decide se um livro é bom ou não sem o ler primeiro???

não me refiro ao paulo não-sei-quê esse é facil de identificar

Beatrix Kiddo disse...

ou aquele do café Nicola. Eu sei ver, a minha técnica é: se um escritor lança um livro por mês, não pode ser bom.

a Livreira Anarquista fez uma lista dos livros publicados pela Nora, e um dia vou fazer as contas para ver quantas páginas ela escreve por minuto e vou provar que é humanamente impossível, e destruir a sua reputação (mais) para todo o sempre muahaha

Mónica disse...

grande Beatrix eheheh